11 Comments

  1. Rafael Alves Ferreira
    14 de fevereiro de 2017 @ 16:30

    Gostei do artigo, muito bom. Eu tinha muitas dúvidas sobre Direitos Humanos e acabei por ter minhas dúvidas esclarecidas. Parabéns pelo artigo Dra. Maíra Cardoso Zapater.

    Reply

    • Maira Zapater
      21 de fevereiro de 2017 @ 16:38

      Obrigada pela leitura, Rafael! Um abraço.

      Reply

  2. Aderson
    22 de fevereiro de 2017 @ 20:17

    Perfeito! É difícil encontrar informações para combater a ignorância popular sobre os direitos humanos. Estarei sempre por aqui.

    Reply

  3. Direitos Humanos e Segurança Pública: é possível conciliar? Respondendo a uma pergunta sem sentido - Observatório do 3° Setor
    24 de agosto de 2017 @ 14:54

    […] como de falar sobre as muitas outras frentes de atuação e possibilidades de trabalho nessa área (saiba mais aqui). Mas, para desfazer esse equívoco que torna sem sentido a pergunta do título, na coluna de hoje […]

    Reply

  4. Luanna
    5 de novembro de 2017 @ 00:41

    Olá. Gostaria de saber como faço para participar é ser defensora dos direitos humanos. Moro no interior do Paraná e quero assistir reuniões palestras que me ensina. Ou tenho que ter uma faculdade específica e fazer concurso. Eu estou bem perdida… Se puder me esclarecer eu agradeço.

    Reply

  5. Waldir Santos Lima
    15 de janeiro de 2018 @ 23:01

    Boa noite Maira!
    Tenho feito alguns cursos de direitos humanos pois quero trabalhar com DH mesmo que voluntariamente, se você puder me dá uma dica fico muito agradecido!
    Att! Waldir Lima

    Reply

  6. MARCELO TELLES
    20 de março de 2018 @ 08:22

    BOM DIA MEU NOME É MARCELO TELLES GOSTARIA DE TRABALHAR COM O DIREITOS HUMANOS, QUSL CURSO QUE DEVO FAZER SOU DE RIO DAS OSTRAS RJ REGIÃO DOS LAGOS E SE TEM CURSO AQUI PERTO..

    Reply

  7. MARCELO TELLES
    20 de março de 2018 @ 08:24

    BOM DIA ESTOU QUERENDO FAZER PARTE DO DIREITO HUMANOS EU REVOLTADO COM TANTA COVARDIA DA POLÍCIA MILITAR DO RJ PRECIPALMENTE NA REGIÃO DOS LAGOS…

    Reply

  8. Pablo Teixeira
    21 de março de 2018 @ 13:14

    Comecei a ler e não acreditei no absurdo que li.
    Nunca houveram Ditaduras no Brasil. O que houve foi um Regime Militar Provisório, sancionado inclusive, pelo Congresso Nacional.
    .
    Tamanha bobagem lida…

    Reply

  9. Pablo Teixeira
    21 de março de 2018 @ 13:16

    Gostaria de trabalhar também com Direitos Humanos, para fazer acabar a segregação social promovida pela esquerda política. No Art.5° da Constituição está bem claro o friso: “TODOS são iguais perante a lei”.

    Reply

  10. Uma mensagem para você que pensa em votar no Jair Bolsonaro – O Político-Cientista
    15 de setembro de 2018 @ 12:30

    […] de direitos humanos no meu dia-a-dia. Esse é  e continuará sendo o meu trabalho. Explico-me que o que nós fazemos é simplesmente lutar por um país digno, mais respeitoso, não só para com certos indivíduos, mas para com toda a sociedade. O que deve […]

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *