Coronavírus pode sobreviver até 3 horas no ar e 3 dias em maçanetas

Compartilhar

Pesquisa também revela que o coronavírus pode sobreviver por até 24 horas em materiais como o papelão

Imagem: Food and Drug Administration

Um estudo feito por pesquisadores do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas da Universidade de Princeton, nos Estados Unidos, mostrou que o novo coronavírus (causador da Covid-19) pode sobreviver por até três horas no ar e por quatro horas em materiais feitos de cobre. Sobre plástico e metal inoxidável (como maçanetas), ele sobrevive de dois a três dias. As informações podem dar pistas sobre como o vírus se espalha com rapidez.

Divulgada na última quarta-feira (11/03), a pesquisa analisou o tempo de vida do novo coronavírus fora do corpo humano. O coronavírus também pode sobreviver por até 24 horas em materiais como o papelão.

O número de pessoas infectadas com o novo coronavírus no restante do mundo ultrapassou, na última segunda-feira (16/03), os casos registrados de Covid-19 na China. As mortes registradas fora do país asiático também excedem as contabilizadas pelo governo local.

Mais de 87.000 pessoas foram diagnosticadas com a doença fora do país asiático onde a pandemia começou, segundo a Universidade Johns Hopkins, que mantém uma contagem em tempo real dos novos pacientes. Já na China, o número de casos chegou a 80.860, até o último dia 16.

Ao todo, 3.241 pessoas morreram após contrair a Covid-19 em todo mundo, enquanto as autoridades chinesas afirmam que 3.208 pacientes faleceram no país.

Fontes: UOL e Veja 


Compartilhar