4 comentários

  1. Avatar Elso Carreiro
    06/10/2019 @ 14:51

    TENHO VONTADE DE VOMITAR… QDO LEIO ESSAS VERDADES, SOBRE ESSAS DIFERENÇAS NOJENTAS QUE CONSTATAMOS NESSE NOSSO “POBRE” BRASIL !!!
    PAÍS RICO DE DE TUDO QUE EXISTE NO MUNDO… E MUITO RICO, SOZINHO, DE “COISAS”… QUE O MUNDO SÓ CONHECE DE NOME !!!!
    DIZEM QUE DEUS, É BRASILEIRO… SABEMOS QUE NÃO É !!! E PIOR GENTE ; É QUE A COISA ESTÁ TÃO FEIA… QUE O FILHO DO “HOMEM”, ATÉ “ELE”… NÃO TEM APARECIDO POR AQUÍ… COM MEDO DE “BALA PERDIDA”… ?

    Reply

  2. Avatar Áurea Mendes Ferrer
    09/10/2019 @ 00:18

    Tudo que acontece no Brasil é por falta de educação familiar com amor e religião.
    Nossas crianças são ensinadas a serem egoístas , invejosas, racistas e mal educadas pelos próprios pais.
    Quando chegam na escola cada um poe suas barrinhas de fora e humilha os menos favorecidos que se reagir e castigado.
    Crescem assim e se tornam num Maia Alcolumbre Tofolli, Gilmar Mendes STF inteiro arrogantes peçonhentos ladrões que prejudicam uma nação inteira sem o menor pudor.E bem assim que vem sendo formada a população brasileira, nos elegemos os maiores ratos nogentos .Qdo conseguimos colocar uma equipe decente e humana os vagabundos tem o prazer de não deixar o bem acontecer!
    Fora corruptos vocês não podem destruir uma nação!!

    Reply

  3. Avatar Jorge
    10/10/2019 @ 11:05

    Aí eu te pergunto, R$3500 é uma miséria como foi colocado aí na reportagem?
    Isso que os dados são de 2014, com certeza agora a média deve estar em pelo menos R$4500
    É muita gente reclamando de barriga cheia..

    Reply

  4. Avatar Vam
    12/10/2019 @ 15:50

    Vamos acordar UM PROFESSOR vale mais que um técnico de futebol! O que se tem a fazer: não cortejar em redes sociais, não interessar por futebol! O que tem a fazer: valorizar a profissão do professor, quando estiver protestando por melhores condições de trabalho e salários, dê sua mão como forma de contribuição, apoiando-se!

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *