Direitos Humanos e a população LGBT no Brasil

Direitos Humanos e a população LGBT no Brasil
O Olhar da Cidadania

 
 
00:00 / 54:53
 
1X
 

Segundo um relatório produzido pelo Grupo Gay da Bahia, a cada 20 horas uma pessoa LGBT é assassinada ou se suicida vítima da LGBTfobia no Brasil.

Em 2018, 420 pessoas LGBT+ (lésbicas, gays, bissexuais e transexuais) morreram no Brasil. Foram 320 homicídios (76%) e 100 suicídios (24%).

Para falar sobre violação de direitos humanos e a população LGBT no Brasil, recebemos, no Olhar da Cidadania do dia 7 de julho, Pedro Ambra, psicólogo, doutor em psicologia social pelo Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo, doutor em Psychanalyse Et Psychopathologie pela Université Paris Diderot, professor titular do mestrado em Psicossomática da Universidade Ibirapuera, autor do livro ‘O Que É Um Homem? Psicanálise e História da Masculinidade no Ocidente’ e organizador do livro ‘Histeria e Gênero: o Sexo como Desencontro’; e Dulcejane Vaz, economista, consultora empresarial e especialista em Equidade, Diversidade & Inclusão, cofundadora do Grupo Mulheres do Brasil – Núcleo DF e criadora da Plataforma Digital 50 é o novo 30, sobre carreira e maturidade.

Entre os assuntos abordados estão: a violência contra a população LGBT, pornografia e objetificação de pessoas trans, falta de políticas públicas para proteção dos LGBTs e o reconhecimento do valor da diversidade no mercado de trabalho.

O programa também contou com a participação dos colunistas Christian Dunker, psicanalista e professor titular da USP, que falou sobre os limites da intimidade na sociedade brasileira; e Marcos Perez, professor da Faculdade de Direito da USP, que falou sobre os vazamentos de mensagens de envolvidos na Operação Lava Jato e liberdade de imprensa.

O programa foi apresentado pelo jornalista Joel Scala.

Olhar da Cidadania na Rádio USP

Todas as quartas-feiras, às 17h

Reprise todas as sextas-feiras, às 2h30

São Paulo: 93,7 FM

Ribeirão Preto: 107,9 FM