7 Comments

  1. Princesas levam a ‘Afrobetização’ para escolas de São Paulo – Portal Áfricas
    28/05/2019 @ 11:57

    […] Por Mariana Lima, Do Observatório 3º Setor […]

    Reply

  2. Avatar Rosana Polydoro
    30/05/2019 @ 18:27

    Por favor. Quero contato sobre o Projeto Adeola. Enviei um e-mail. Gostaria de um retorno.
    Grata

    Reply

  3. Avatar Rogério Santana do nascimento
    02/06/2019 @ 16:55

    Parabéns as meninas temos que ter mas educadoras e órgãos públicos e pessoas públicas com esta atitude,estamos perdano nossas identidade ,e nossas culturas que estas meninas sirva de exemplo .

    Reply

  4. Avatar Gisele Alves
    16/06/2019 @ 12:46

    Boa tarde sou Gisele, coord pedagógia numa escola em Osasco. Gostaria de informações para receber a visita de vocês em nossa unidade.
    cpgialves@gmail.com meu e-mail…
    11 959023189
    Criei esta página como AÇÃO PEDAGOGICA em prol da aplicabilidade da Lei 10639/03 , para compartilhar e trocar idéias de atividades sobre a temática ” AFRICA NA SALA DE AULA.

    https://www.facebook.com/cantoaecontosafricanos/

    Reply

  5. Princesas levam a ‘Afrobetização’ para escolas de São Paulo – Brasdangola Blogue
    02/07/2019 @ 07:55

    […] Fonte: Princesas levam a ‘Afrobetização’ para escolas de São Paulo […]

    Reply

  6. “Ser negro no Brasil é uma luta permanente pela sobrevivência”
    26/11/2019 @ 11:51

    […] construiu junto com Raísa Amaral o Projeto Adeola, em 2015. O projeto busca levar para escolas e ONGs, de forma lúdica, a cultura e história da […]

    Reply

  7. Pequeno manual antirracista, de Djamila Ribeiro | Bibliothinking
    02/12/2019 @ 15:38

    […] “Princesas levam afrobetização para as escolas de São Paulo” : https://observatorio3setor.org.br/carrossel/princesas-levam-a-afrobetizacao-para-escolas-de-sao-paulo/ […]

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *